Vitória do Mearim comemora 188 anos de emancipação

As festividades dos 188 anos de emancipação política de Vitória do Mearim incluíram eventos religiosos (missa e cultos evangélicos) e cívicos e momentos de congraçamento com a comunidade, representados pela inauguração de obras públicas. Tudo liderado pelo prefeito Raimundo Nonato Ewerton Silva (Nato da Nordestina). Autoridades administrativas, parlamentares e religiosas prestigiaram a programação.
Os eventos transcorreram entre os dias 18 e 19 de abril com decisiva participação da comunidade. Lideranças políticas confraternizaram com a comunidade e exaltaram o trabalho do prefeito, que tem apenas três meses de mandato, “mas com resultados animadores e de expressiva vontade político-administrativa”, na avaliação do deputado federal Josimar de Maranhãozinho, que prestigiou o acontecimento, na condição de aliado da administração municipal.
Obras e serviços – Duas Unidades Básicas de Saúde (UBS), em Tapuitapera e Manijituba, ganharam novas instalações e tiveram seus serviços ampliados, o que significa oferecer mais garantias de saúde às populações de numerosos povoados localizados na proximidades. Também o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) teve seu prédio readequado para maior segurança aos usuários.
Mas o grande destaque da festa foi a inauguração da ponte sobre o Igarapé do Butija, na região do Japão. Obra de arte esperada há anos, ela promove a ligação entre vários centros de produção municipal e consolida a intercomunicação de vários povoados, facilitando o acesso e garantindo mobilidade entre sítios sem interrupção e com segurança.
Manifestações – Em todas as ocasiões, o prefeito manifestou gratidão aos principais parceiros de sua administração, como o senador Roberto Rocha (representado pelo filho Júnior), os deputados federais Josimar de Maranhãozinho e Pastor Gildenemyr, os estaduais Hélio Soares e Maria Deusdete Lima Cunha Rodrigues (Detinha).
Nato destacou o papel das lideranças locais, em especial dos vereadores que apoiam a gestão na Câmara (à frente a presidente Salma Faray), e os líderes comunitários, porta-vozes das reivindicações populares. Destacada, também, a manifestação de gratidão ao Deus feita nos atos religiosos ocorridos em função da data. Ao secretariado, à primeira-dama e à presidente da Câmara o prefeito fez agradecimento especial. Bem como a prefeitos, vices e vereadores de cidades vizinhas que foram confraternizar com ele e com os vitorienses.
Integração – Na entrega da ponte, o secretário de Obras, Joelson Marinho, falou do papel relevante que a obra representa, na integração do território municipal. “Ela é a principal via de acesso às comunidades do Arroz, São Félix, Buriti, Livramento, Zé Carlo e Laborão, Mamonas, Quariquari, Sumaúma, Japão, Por da Estrela, Laguinho, Santa Joana, Marajá, Braço Comprido, Santa Rosa, São Benedito, Ilha dos Rodrigues, São Lima, Campinho de Paris, Boca da Mata e Melancia.
A construção ensejou serviços de manutenção de vicinais localizadas no entorno da região, disciplinando o transporte viário e pondo fim ao sofrimento de quem se utilizava dos caminhos enfrentando os percalços criados pela estação das chuvas. Para o secretário este trabalho será permanente para proporcionar bem-estar à população e garantia de entrega da produção agrícola oriunda daqueles mercados.

BOX>

VITORIA DO MEARIM CELEBRA NOVO TEMPO
A programação preparada pelo secretário de Cultura vitoriense, Dionílio Almeida, associou fé e civismo. No dia do aniversário da emancipação – 19 de abril – missa em ação de graças pediu proteção divina aos gestores e ao povo. A reunião cívica demonstrou o amor à terra e estimulou a dedicação aos valores. As manifestações se estenderam al longo do dia.
Depois do ofício religioso, na paróquia da padroeira da cidade, autoridades e populares seguiram para a frente do prédio da prefeitura. Lá foram hasteados os pavilhões nacional, estadual e municipal, que receberam a reverência dos participantes da cerimônia. A mocidade estudiosa do Instituto Nazaré celebrou a com um jogral (gênero teatral que associa canto e declamação).
Josimar de Maranhãozinho, Detinha e Hélio Soares disseram-se satisfeitos em acompanhar a atuação de Nato, que, com pouco menos de quatro meses, já mostra a que veio, realizando obras com determinação e vontade política. Outras referências aos 100 dias do governo de Nato da Nordestina (nome da rede de eletrodomésticos de sua propriedade) foram feitas pela presidente da Câmara, pelo vereador Cristiano Falcão e pela nutricionista Carla Sarneto. Todos admitindo que o município vive novo tempo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *